A alegria e a coragem da Páscoa nos mistérios gloriosos do Santo Rosário

4220

Primeiro mistério glorioso: A Ressurreição do Senhor Jesus

Leitura: Lc 24,1-5

Meditação: “Nestes dias em que celebramos a alegria pascal que brota da certeza de que Cristo ressuscitou e permanece para sempre vivo e presente no mundo, a pergunta que os anjos fizeram às mulheres no sepulcro, também se dirige a nós: «Por que estais procurando entre os mortos aquele que está vivo?» De fato, às vezes, podemos nos fechar em várias formas de egoísmo, seduzidos pelas coisas deste mundo, deixando de lado Deus e o próximo (…). Não podemos procurar entre os mortos aquele que está vivo! Por isso, é preciso maravilhar-se novamente com Cristo ressuscitado, para poder sair dos nossos espaços de tristeza e abrir-nos à esperança que remove as pedras dos sepulcros e nos dá coragem para anunciar pelo mundo afora o Evangelho da vida” (Papa Francisco, Audiência do dia 23/4/2014).

 

Segundo mistério glorioso: A Ascenção do Senhor Jesus

Leitura: Lc 24,49-53

Meditação: A atitude dos discípulos depois da Ascenção mostra em que consiste a Páscoa. É, como diz o Papa Francisco, “um tempo de valentia e de alegria! Não pode haver cristãos cabisbaixos. Anunciemos sem complexos que Cristo nos salvou!”. Confiando na promessa do Senhor, os cristãos esperam com gozo o envio do Espírito Santo.

 

Terceiro mistério glorioso: Pentecostes

BmEM_N4IUAArgrq
Tapetes com imagens dos futuros santos, Papa João Paulo II e João XXIII

Meditação: O envio do Espírito Santo causa uma mudança radical nos primeiros cristãos. Os que outrora abandonaram o Senhor e até o negaram por medo dos judeus, agora estão dispostos a dar a própria vida no anúncio do Evangelho. A cooperação com a graça faz deles homens e mulheres novos, que levam a sério seu chamado à santidade. Nestes dias em que nos preparamos para a canonização dos Papas João Paulo II e João XXIII, peçamos ao Senhor também a graça de responder ao nosso chamado à santidade.

 

Quarto mistério glorioso: Assunção de Maria

Meditação: Entre todos os santos e santas do Céu resplende com brilho singular Aquela que é a Mãe do Senhor Jesus. Ela é a Arca da Nova Aliança, porque acolheu em seu ventre puríssimo o Nosso Salvador e por isso seu corpo não podia conhecer a corrupção. Depois de Jesus, é com Maria que a humanidade reconciliada entra no Céu, tal como a pensou o Criador, em corpo, alma e espírito.

 

Quinto mistério glorioso: A coroação de Maria como Rainha do Céu e da terra

Meditação: Santa Maria é a Mulher prometida do Gênesis, que esmagaria a serpente do mal. Ela é a Mulher de Caná, que alenta seu Filho em sua missão e também a do Gólgota, lugar no qual se explicita a sua maternidade espiritual. Ela é finalmente a Mulher do Apocalipse, vestida de sol e coroada com estrelas, gemendo ainda por dores de parto até que todos nós, seus filhos, sejamos totalmente configurados com Cristo. O tempo da Páscoa nos alenta a cooperar com Ela nesta missão, fazendo apostolado com alegria e coragem.

Membro do Sodalício de Vida Cristã desde 1996. Nascido no Peru em 1978, mora no Brasil desde 2001. Por muitos anos foi professor de Filosofia na Universidade Católica de Petrópolis. Atualmente faz parte da equipe de formação do Sodalício, é diretor do Centro de Estudos Culturais e desenvolve projetos de formação na Fé e evangelização da cultura para o Movimento de Vida Cristã.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here