Saiba a importância de rezar o terço todos os dias

246

Rezar o Terço diariamente é uma devoção muito querida do povo brasileiro. Quantas vezes escutamos os nossos avós e pais dizerem que iriam rezar o terço na Igreja? Nossa, eu me lembro! Minha bisavó rezava o Rosário todos os dias. Rezar a Deus junto com Maria é uma graça que não podemos desprezar. Falar com a Mãe Aparecida é uma necessidade para um bom filho de Deus.

Muitos santos passaram por este caminho de peregrinação que é a nossa vida cristã rezando o Terço com devoção, como por exemplo São João Paulo II, que dizia: “O Rosário acompanhou-me nos momentos de alegria e nas provações. A ele confiei tantas preocupações; nele encontrei sempre conforto”. Já São Pio de Pietrelcina disse: “Amai Nossa Senhora e tornai-A amada. Rezai sempre o seu Rosário e divulgai-o”São João Maria Vianney, padroeiro dos sacerdotes, tinha uma enorme confiança nesta oração, a ponto de dizer: “Com esta arma, afastei muitas almas do diabo”. Não podemos esquecer o conselho de Santo Afonso Maria de Ligório“Se quisermos, pois, ajudar as santas almas do purgatório, procuremos rogar por elas à Santíssima Virgem em todas as nossas orações, aplicando-lhes especialmente o Santo Rosário, que lhes dá grande alívio”. É uma obra de misericórdia que devemos praticar. E, além disso, podemos alcançar, pelo Rosário, a intercessão de Maria e graças para nossas famílias, assim como nos diz São Pio X“Se quiserdes que a paz reine em vossas famílias e em vossa Pátria, rezai todos os dias, em família, o Santo Rosário”.

Dentro da minha experiência pastoral, pude ver muitas graças que vieram pela oração do Terço, e imagino que você também; já escutei até que esta oração faz bem para a saúde, acalma o orante que está em meio a preocupações. Devo dizer que os casos mais impressionantes que vi até hoje não foram de milagres, mas sim de conversão. Digo isso porque, muitas vezes, aquele que recebeu um milagre nem sempre se torna um bom cristão. Eu conhecia um rapaz que afastou-se de Deus; sua vida moral já era muito ruim e ele tinha sido coroinha desde pequeno. Então, sabia muito bem que não estava no bom caminho. Por isso, afastou-se das missas e dos grupos de que participava e quando encontrava-nos, ele me dizia que sentia uma enorme dor pela distância de Deus, mas não podia rejeitar suas tentações. Porém, uma coisa o sustentava. Ele dizia que sabia que estava brigado com Deus, seu pai, mas não com sua Mãe, Maria. Ou seja, ele rezava o Terço todos os dias, mesmo sabendo que estava em pecado mortal. Isso o manteve, mesmo que de maneira imperfeita e frágil, durante anos, até que pôde finalmente rejeitar suas tentações e voltar à comunhão com a Igreja. Que belo exemplo de como o Terço é uma catequese que deixa marcas que podem salvar a vida cristã dos jovens!

Queridos amigos, devotos da Mãe Aparecida, sempre devemos confiar em Nossa Senhora. Ela nos chama a percorrer a nossa vida em oração, meditando os mistérios de Nosso Senhor Jesus Cristo, rezando com nossas famílias, com nossos grupos, com as pessoas idosas e os mais necessitados. Como não reconhecer o belíssimo exemplo do Terço dos Homens? Lembremos das aparições que Maria fez e nas quais pedia-nos que rezássemos o Terço. Como dizer não à nossa Mãe do Céu? Agora nos perguntemos: é importante falar com a nossa Mãe? Eu acho que é muito importante. Todos os dias? O que o seu coração de filho lhe diz? Uma coisa é certa: se for rezar, faça-o por amor e com amor. Assim, você encontrará o Verdadeiro Amor.

COMPARTILHAR
Fábio Santos Araújo
Membro do Sodalício de Vida Cristã, do Rio de Janeiro. Formado em Filosofia, e cursando o curso de Teologia na Universidade Católica de Petrópolis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here